Portugal e Espanha apresentam plano estratégico comum para as áreas do turismo e agroalimentar

As regiões fronteiriças do Centro e Norte de Portugal e dos seus vizinhos em Espanha apresentaram esta segunda-feira um plano estratégico comum, apoiado pela União Europeia, que visa promover em conjunto recursos endógenos nas áreas do turismo e agoralimentar.

A reunião de parceiros do Projeto CRECEER, que decorreu através de plataformas digitais, foi marcada pela apresentação da proposta de um Plano Estratégico Interregional (PEI) para 2020-2023, o qual vai juntar os esforços das 11 zonas do território abrangido pelo Projeto. O CRECEER é um projeto transfronteiriço, financiado por fundos europeus, que tem como principal objetivo estabelecer sinergias entre 11 zonas transfronteiriças, tendo em vista melhorar a competitividade de pequenas e médias empresas nos setores turístico e agroalimentar gourmet.

Os 11 territórios abrangidos pelo Projeto CRECEER são a Beira Baixa e Beiras e Serra da Estrela, no Centro de Portugal; Douro e Trás-os-Montes, no Norte; e El Bierzo, Vitigudino, Ciudad Rodrigo, Ávila, Toro, Sanabria e Aliste-Tábara-Alba, em Espanha.

Antes da elaboração do Plano Estratégico Interregional, cada uma das zonas CRECEER definiu a caracterização particular do seu território e apresentou um Plano Estratégico individual de Atuação. O PEI agora apresentado surge na sequência deste trabalho prévio e identificou já recursos endógenos gastronómicos comuns nas 11 regiões, que, associados à oferta turística existente, são as prioridades do projeto.

O queijo, o vinho, o azeite, as carnes frescas e as frutas são os recursos estratégicos em todos os territórios em que vão incidir os primeiros esforços de sinergia do CRECEER. Outros recursos comuns igualmente identificados foram os de interesse turístico – os parques e espaços naturais, as praias e portos fluviais, as zonas de pesca e os trilhos de caminhada, além de museus e património monumental e histórico. Foram também indicados eventos de Interesse Turístico, como eventos desportivos, feiras, festivais de música e festividades religiosas.



Conteúdo Recomendado