Resiestrela distinguida com selo de qualidade de serviço

A empresa concessionária dos serviços de recolha e valorização de resíduos sólidos das Beiras e Serra da Estrela está integrada na lista de sete concessionárias que foram distinguidas com o selo de qualidade em gestão de resíduos urbanos pela entidade reguladora dos serviços de águas e resíduos.

Para além da “Resiestrela” integram ainda o lote de concessionárias distinguidas a “Ersuc”, a “Resinorte”, a “Resulima”, a “Valolis”, a “Valorminho” e a “Valorsul”. Uma distinção que abrangeu ainda outras cinco entidades gestoras; a associação de municípios do Alentejo central, a “Gesamb”, a “Lipor” a “Inova” e os serviços municipalizados de Abrantes.

A iniciativa é dinamizada pela Ersar em parceria com o jornal “Água e Ambiente” e pretende evidenciar “a existência de um rigoroso sistema de avaliação dos serviços prestados aos consumidores, que passam a conhecer as entidades que prestam o melhor serviço em diferentes áreas. Pretende-se também sensibilizar as entidades gestoras para as questões da qualidade na conceção, execução, gestão e exploração dos sistemas”.

A Resiestrela é responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos sólidos urbanos produzidos no municípios de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Fundão, Guarda, Manteigas, Meda, Penamacor, Pinhel, Sabugal e Trancoso, contribuindo assim, para o desenvolvimento sustentável da região e do país e para a maximização do bem-estar humano, através da criação de valor.




Conteúdo Recomendado