Rede de Aldeias de Montanha investe na capacitação de técnicos e agentes de turismo

A formação de Guias de Turismo Ambiental é direcionada a técnicos municipais, empresários, autarcas e representantes das comunidades locais, dos concelhos que integram a Rede de Aldeias de Montanha: Celorico da Beira, Covilhã, Fornos de Algodres, Fundão, Gouveia, Guarda, Manteigas, Oliveira do Hospital e Seia.

Iniciou-se na passada semana um curso para formação de Guias de Turismo Ambiental, ministrado pelo Centro de Formação da Liga de Amigos de Conimbriga, direcionado para técnicos municipais, empresários, autarcas e representantes das comunidades locais, dos concelhos que integram a Rede de Aldeias de Montanha: Celorico da Beira, Covilhã, Fornos de Algodres, Fundão, Gouveia, Guarda, Manteigas, Oliveira do Hospital e Seia.

Segundo a Rede de Aldeias de Montanha, “pretende-se com esta formação, com uma carga horária total de 139 horas, capacitar os participantes para a valorização e interpretação das paisagens culturais das Aldeias de Montanha, por forma a estimular à sua visita e à sensibilização para a importância da conservação das aldeias, da sua paisagem e das suas tradições”.

Esta formação é de natureza teórico-prática e aborda áreas como: o Turismo Cultural, Turismo de Natureza, Turismo em Espaço Rural, Circuitos e Percursos Interpretativos, Estratégia e Marketing do Turismo Cultural e de Natureza.

“A formação decorre no Centro de Interpretação da Serra da Estrela, em Seia, e no Centro de Estudos Ibéricos, na cidade Guarda. No entanto, e considerando que a interpretação do património é um instrumento importante e uma ferramenta de gestão para conservação do património natural e cultural, a formação contempla várias saídas de campo que têm como finalidade explicar, de forma simples e percetível para todos, o significado, a importância e o valor dos lugares patrimoniais, ao longo do curso, e em consonância com as temáticas a abordar, estão previstas participações especiais de entidades e projetos que têm contribuído para a afirmação do Turismo Ambiental na Serra da Estrela”, acrescenta.

Este curso de Guias de Turismo Ambiental é promovido pela Associação de Desenvolvimento Integrado da Rede de Aldeias de Montanha e é financiado pelo Fundo ambiental, no âmbito da Estratégia Nacional de Educação Ambiental.

 

 

 




Conteúdo Recomendado