Risco máximo de incêndio em seis concelhos do distrito da Guarda

Guarda, Sabugal, Celorico, Fornos de Algodres, Aguiar da Beira e Trancoso são os concelhos do distrito da Guarda que apresentam hoje risco máximo de incêndio, de acordo com a página do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Com o mesmo aviso encontra-se também a Covilhã.

Já os restantes sete municípios do distrito da Guarda estão sob risco muito elevado, enquanto Manteigas apresenta risco moderado de fogo florestal. Para hoje, o IPMA colocou 24 concelhos do interior Norte e Centro de Portugal sob risco muito elevado de incêndio. O risco de incêndio engloba cinco níveis, variando entre reduzido e máximo. O cálculo é feito com base nos valores observados às 13 horas de cada dia relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas. Na quinta-feira, a Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC) registou 82 incêndios, que foram combatidos por 1.834 bombeiros, com o apoio de 464 veículos.




Conteúdo Recomendado