Biblioteca da Covilhã abre um novo “Espaço dos Sentidos”

No próximo dia 11 de setembro,a Biblioteca Municipal da Covilhã abre um novo “Espaço dos Sentidos”, onde tem por objetivo estimular os sentidos.

A Câmara Municipal da Covilhã promove a abertura oficial do “Espaço dos Sentidos”, integrado na Biblioteca Municipal, no próximo dia 11 de setembro. No âmbito deste evento realiza-se às 14h30 do mesmo dia a conferência “Estimular e Integrar para uma Cidadania plena”, em que serão debatidos os benefícios deste novo espaço para o crescimento, desenvolvimento e aperfeiçoamento do indivíduo.

O painel de oradores é composto por Paulo Fernandes, da Associação Portuguesa de Integração Sensorial, e Francisco Alvernaz, fundador da primeira sala Snoezelen em Portugal.

A Biblioteca Municipal da Covilhã vai disponibilizar ao público um novo espaço multissensorial, que tem por objetivo estimular os sentidos, através do tato, luz, sons, cores, texturas e aromas. O ”Espaço dos Sentidos” terá duas salas: Sala para Estimulação Sensorial e Sala de Integração Sensorial, que visam explorar os cinco sentidos do corpo, recorrendo à terapia Snoezelen para diversos fins. Cada elemento da sala foi pensado e estudado para dar resposta terapêutica a quadros clínicos e necessidades especiais de aprendizagem.

Segundo a nota informativa, o evento tem como objetivos a prevenção de absentismo e abandono escolar, a promoção da participação e inter-relação dos vários intervenientes (Família, escola e comunidade) como agentes ativos no processo de crescimento e de aprendizagem das crianças.

Para além disso, pretende promover o desenvolvimento de competências pessoais e socais dos alunos para participarem no planeamento, orientação e concretização do seu projeto de vida futura; fomentar o envolvimento e a participação ativa dos pais/encarregados de educação no percurso escolar e profissional dos alunos; desenvolver trabalho ativo e participativo entre os agentes escolares, comunidade, município, aluno e família; facilitar a articulação entre os vários profissionais e serviços especializados da Comunidade, para mobilização de respostas adequadas às necessidades e problemáticas identificadas no contexto educativo.




Conteúdo Recomendado