3º Grande Prémio das Beiras e Serra da Estrela prosssegue hoje

Hoje disputa-se a segunda e mais longa etapa, entre Sabugal e Seia, num percurso de 193,9 quilómetros com três contagens de montanha de segunda categoria e um final com um final a subir nos dois quilómetros finais.

O ciclista russo Dimitrii Strakhov (Lokosphinx) tornou-se ontem o primeiro líder do Grande Prémio Beiras e Serra da Estrela, ao impor-se ao ‘sprint’ no final da primeira etapa, entre Mêda e Figueira de Castelo Rodrigo.

Pelo terceiro ano a região irá ter uma prova Internacional de ciclismo disputada em todo o seu território que se denomina 3º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela e será disputada entre hoje e domingo.

O 3º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela, visa utilizar o ciclismo como um importante veículo de promoção e divulgação da região das Beiras e Serra da Estrela. Segundo a organização, “esta prova tem como alvo principal a promoção regional e a projeção desta região, com enormes potencialidades naturais e diversificado património natural, cultural e gastronómico, enquanto destino turístico sustentável, durante todo o ano”.

As  etapas deste 3º Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela, foram estrategicamente desenhadas para que a prova percorra todo o território abrangente dos 16 municípios envolvidos no evento. Assim depois de ontem o pelotão ter partido de Mêda com destino a Figueira de Castelo Rodrigo, hoje a jornada será efetuada entre Sabugal e Seia (Etapa 2) e amanhã, último dia de prova, os ciclistas partem de Gouveia com destino à Guarda (Etapa 3). Ao captar para o seu território uma prova internacional que junta os melhores ciclistas do pelotão internacional, a Associação de Municípios da Cova da Beira em parceria com a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela e o Turismo do Centro de Portugal, vislumbra uma oportunidade “de aprofundar e divulgar no contexto europeu a região que conta com uma grande envolvência na relação transfronteiriça com uma comunidade autónoma espanhola, geograficamente contígua, com mais de 2,5 milhões de habitantes, não só no plano desportivo, como também no cultural, social e económico, estando já em análise a proposta de, na próxima edição do evento ser realizada uma etapa na província espanhola de Salamanca.”

 

 

III GP Internacional Beiras e Serra da Estrela

Publicado por Associação de Municípios da Cova da Beira em Terça-feira, 3 de Abril de 2018




Conteúdo Recomendado