Início: 2017-10-12 00:00:00
Entidade Promotora: Município de Gouveia
Local do Evento: Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta
Concelho: Gouveia,

O Município de Gouveia vai assinalar no dia 12 de outubro, data de nascimento do Pintor Abel Manta, o 10º Aniversário do Prémio de Pintura Abel Manta.

A iniciativa é assinalada com a Tertúlia “Abel Manta e Aquilino Ribeiro: Conversas Inacabadas II” e com a inauguração da exposição “10 Anos de Prémio Abel Manta de Pintura”, no Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta.

A tertúlia “Abel Manta e Aquilino Ribeiro: Conversas Inacabadas II” é uma iniciativa cultural que está a ser desenvolvida, no âmbito do protocolo estabelecido entre a FAR – Fundação Aquilino Ribeiro, representada pelas autarquias de Moimenta da Beira, Sernancelhe e Vila Nova de Paiva e o Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta, representado pela autarquia de Gouveia.

A exposição “10 Anos de Prémio Abel Manta” é composta por um conjunto de obras reunidas ao longo das 7 edições do Prémio Abel Manta de Pintura, que hoje constituem um interessante núcleo de Arte Contemporânea do Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta e que vai estar patente, de 12 de outubro a 31 de dezembro.

As actividades que assinalam os 10º Aniversário do Prémio Abel Manta de Pintura inicia-se às 21 horas, com uma performance ao som de “A Bailarina de Rodrigo Leão” pelo Projeto “Eu sou dança”. Às 21h30, terá início a Tertúlia “Abel Manta e Aquilino Ribeiro: Conversas Inacabadas II”, que sob a orientação de Paula Branco dedicada à amizade entre Abel Manta e Aquilino Ribeiro. O programa culmina com a inauguração da exposição “10 Anos de Prémio Abel Manta”, apresentada pela diretora do Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta, Margarida Noutel.

 

O Prémio Abel Manta de Pintura

O Prémio Abel Manta de Pintura, tem como objectivo homenagear o pintor Abel Manta, natural do Concelho de Gouveia, promover os artistas plásticos nacionais, proporcionando a apresentação pública dos seus trabalhos e valorizando as Artes Plásticas como elemento chave da Programação Cultural do Município.

Ao longo destes últimos 10 anos de Prémio Abel Manta de Pintura, foram realizadas 7 edições, com 391 concorrentes com 616 obras, foram premiadas 17 pinturas e distinguidos 14 artistas.
De realçar que o Prémio Abel Manta de Pintura é uma iniciativa do Município de Gouveia, tendo sido lançado por ocasião do 25º aniversário da morte do Pintor Abel Manta com o objetivo de promover artistas plásticos nacionais, proporcionando a apresentação pública dos seus trabalhos e valorizando as Artes Plásticas como elemento chave da Programação Cultural do Município. Este ano, o Prémio Abel Manta de Pintura cumpriu a sua 7ª edição.

 

O Pintor Abel Manta

Abel Manta nasceu em Gouveia a 12 de Outubro de 1888. Frequentou a Escola de Belas Artes de Lisboa onde cursou pintura. Em 1919 muda-se para Paris, onde continua a sua formação artística e expõe. Regressa a Lisboa em 1925. Em 1926 lecciona numa escola técnica na cidade do Funchal. De novo em Lisboa no ano seguinte, casa com Clementina Carneiro de Moura.

Em 1928 nasce o seu único filho João Abel Manta. Vencedor de vários prémios individuais, foi responsável por recriar a imagem de Portugal em diversos certames pela Europa, nomeadamente na decoração do pavilhão de Portugal na Exposição de Sevilha em 1929 e nas Exposições de Paris em 1931 e 1937. Faleceu em Lisboa a 9 de Agosto de 1982.

 

Museu de Arte Moderna Abel Manta

O Museu Municipal Abel Manta encontra-se significativamente instalado num edifício setecentista, o antigo Solar dos Condes de Vinhó e Almedina, patrocinadores dos estudos artísticos de Abel Manta. Composto por sete salas de exposição permanente e uma de exposições temporárias, biblioteca de artes, serviços educativos, recepção e loja do Museu, este espaço alberga o núcleo da obra de Abel Manta só por si merecedora de uma visita demorada, à qual se juntam trabalhos de ilustres mestres como Vieira da Silva, Joaquim Rodrigo, Júlio Resende, Júlio Pomar, Menêz e Paula Rego.