Sp. Covilhã empata em casa com o Penafiel

A equipa serrana voltou a perder pontos, desta vez em casa, frente ao Penafiel, em jogo a contar para a 39.ª jornada da 2.ª Liga.

Mesmo com o “nulo” diante os serranos, o resultado coloca os penafidelenses, que fizeram uma exibição apagada, em boa posição na disputa pela subida à Liga. O Penafiel, com os olhos postos no topo da tabela, defrontou um Sporting da Covilhã sem vencer há 16 jogos e entrou melhor na partida, mais pressionante e acutilante. Aos dez minutos, os visitantes criaram a única ocasião flagrante de golo. Vítor Bruno, na cobrança de um livre pela direita, fez pontaria à baliza e proporcionou a Haghighi uma defesa vistosa. À passagem do quarto de hora, também de bola parada, André Fonte tentou a sorte, mas o guarda-redes iraniano agarrou, seguro. Paulatinamente, o Sporting da Covilhã foi ganhando mais posse de bola, subindo as linhas, e passou a ter maior facilidade em aproximar-se da área adversária. Ao minuto 25, o serrano Tiago Martins rematou forte, de longe, mas Coelho resolveu. Na sequência da jogada, Kakuba fez a bola rasar o poste da baliza forasteira. Em cima do intervalo, Aldair escorregou e perdeu a bola, que sobrou para Báta, só que o guineense não soube aproveitar para o Penafiel. No reatamento, foi o Sporting da Covilhã a assumir o jogo, mas com dificuldades no último passe. Já o Penafiel, retraído, só de bola parada conseguia aproximar-se da área serrana. Ao minuto 50, o remate de Aldair, de primeira, foi travado pelo corpo de Joel. Nove minutos depois, o “leão da serra” Carlos Manuel, de fora da área, tentou surpreender Coelho, mas o guardião do Penafiel sacudiu a bola junto ao vértice da baliza. Pouco depois Báta, com Coelho batido, atirou para fora. Mbala, do outro lado, colocou a bola por cima da barra, numa jogada de insistência. Já nos descontos, Dani, de longe, atirou por cima e não conseguiu desfazer a igualdade para o lado do Penafiel.




Conteúdo Recomendado