Sete espetáculos na 7.ª edição da Mostra de Teatro Infantojuvenil de Seia

A cidade de Seia recebe entre segunda-feira e o dia 30 a 7.ª edição da Motin – Mostra de Teatro Infantojuvenil, que inclui sete espetáculos, sendo seis protagonizados por grupos de teatro escolares, anunciou hoje a organização.

A mostra de teatro escolar, que decorre ao longo de sete dias, no Cineteatro da Casa Municipal da Cultura de Seia, é organizada pelo município e está integrada na programação da XIII ARTIS – Festival de Artes de Seia, que se prolonga até 30 de junho.

Segundo a Câmara Municipal de Seia, a Mostra de Teatro Infantojuvenil “tem como objetivo fundamental usar a arte dramática como elemento fundamental para a vivência sociocultural dos jovens, num contexto amplo de cidadania, participação comunitária, direcionando-os para um pensamento crítico e divergente sobre as problemáticas do mundo”.

“Tendo na génese o desenvolvimento artístico e teatral de processos criativos e conhecimentos culturais e teatrais dos jovens da comunidade escolar”, o evento conta este ano com um convidado especial, o ator António Fonseca, que brindará os participantes com três sessões alusivas aos “Lusíadas”, na quarta-feira, no auditório da Casa Municipal da Cultura, refere a autarquia em comunicado hoje divulgado.

Segundo a fonte, o evento também inclui, para além dos momentos protagonizados por grupos de teatro escolares, um espetáculo pelo Teatro da Academia de Viseu.

O Motin começa na segunda-feira, às 15 horas, com a representação da peça “Fragmentos de um discurso amoroso”, por 22 alunos finalistas do 12.ºano, do curso profissional de Artes do Espetáculo-Interpretação, da Escola de Teatro do Colégio de São Teotónio (Coimbra).

No dia seguinte, também às 15 horas, o grupo Trupeliante, do Instituto de Gouveia representa “Clow”, “uma variedade de números assente na animação de rua que aplica a técnica de ‘clown’ (palhaço)”, refere a organização.

Ainda na terça-feira, pelas 21h30, a Escola Profissional da Serra da Estrela (Seia) estreia-se no Motin com a peça “Intemporalidade do amor”.

Na noite seguinte, o clube de teatro da Escola Dr. Guilherme Correia Carvalho (Seia), composto por alunos do 8.º, 9.º e 10.º ano e um professor, apresenta “Despertar da Primavera”.

Na quinta-feira, o programa integra, às 21h30, a representação da peça teatral “Vanessa vai à luta”, pelo Clube de Expressão Dramática da Escola Evaristo Nogueira (Seia).

A Escola Secundária de Seia finaliza, no dia 29, às 21h30, o leque de representações teatrais escolares, apresentando ao público “Absurdos da vida”, uma interpretação protagonizada por alunos do curso profissional Técnico de apoio Psicossocial, indicam os promotores.

O Motin encerra no dia 30 com o espetáculo “Oxalá não demore ao céu cair para abraçar o fogo que nos consome”, pelo Teatro da Academia de Viseu, às 21h30.




Conteúdo Recomendado