Reacendimento na Covilhã exige intervenção de 400 bombeiros

Um reacendimento no incêndio que começou no sábado, na Covilhã, distrito de Castelo Branco, e que estava já dominado desde domingo, estava a obrigar, às 16 horas de hoje, à intervenção de mais de 400 bombeiros.

De acordo com a informação disponibilizada pela página na internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil, consultada pela agência Lusa às 16 horas, combatem este incêndio 403 bombeiros apoiados por 111 meios terrestres e três aéreos.

O incêndio deflagrou às 15h18 de sábado, em Barrigais, freguesia de Covilhã e Canhoso, e obrigou à evacuação de uma aldeia e de um parque de campismo, num total de 90 pessoas.

[Notícia em atualização]

 



Conteúdo Recomendado