Evento: A decorrer entre 2022-08-12 10:00:00 e 2022-12-31 19:00:00

“O Retrato em João Abel Manta – Perfis para as Selectas” em exposição até ao final do ano

Início: 2022-08-12 10:00:00
Fim: 2022-12-31 19:00:00
Local do Evento: Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta
Entidade Promotora: Câmara Municipal de Gouveia

Estão em exposição cerca de 200 peças, entre pintura, desenho e cartazes, com a estrutura da exposição dividida em cinco áreas dispositivas.

Inaugurada no passado dia 12 de agosto, a exposição “O Retrato em João Abel Manta – Perfis para as Selectas”, de João Abel Manta, foi prolongada até ao dia 31 de dezembro de 2022.


Patente no Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta, esta exposição reúne cerca de 200 peças de João Abel Manta, a organização refere que estas foram “reunidas exclusivamente para compor a exposição em Gouveia.


Em comunicado a Câmara Municipal de Gouveia explica que o prolongamento da exposição, até ao final do ano, visa “dar oportunidade ao público de ampliar o seu conhecimento sobre este artista e a sua imensa obra gráfica e plástica”.


Trata-se de uma exibição inédita sobre o tema “retrato” no contexto geral da obra multifacetada de João Abel Manta. “Pensada para o Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta, do qual este artista foi o principal doador, é, pois, a homenagem que faltava fazer nestes 37 anos de existência do Museu”, apontou a autarquia.


Estão em exposição cerca de 200 peças, entre pintura, desenho e cartazes, com a estrutura da exposição dividida em cinco áreas dispositivas: Depois da grande guerra, entre lisboa e paris: os rostos da sua geração e do seu mundo; Dinossauros excelentíssimos: Salazar, Caetano e outras figuras do poder; “Uma coisa nunca vista”: os rostos da revolução; “Diálogos confidenciais”: um imenso museu imaginário em papel de livro e jornal e “Sou um pintor tardio”: retratos da memória, do mito e do sonho.


Além de peças existentes no Museu Abel Manta, estão também exibidas peças provenientes do Museu de Lisboa e do Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado, bem como da coleção do próprio artista, algumas das quais nunca antes expostas.


Conteúdo Recomendado