Município de Pinhel inaugura Sala Sensorial

Na próxima quinta-feira, dia 1 de abril, o Município de Pinhel vai inaugurar uma Sala Sensorial+ baseada em práticas terapêuticas Snoezelen (terapia dos sentidos).

A Sala Sensorial+ é um projeto criado ao abrigo do “Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar”, medida contratualizada no âmbito da CIM-BSE, que prevê a implementação de medidas que permitam melhorar os indicadores relativos ao insucesso e abandono escolar.

Segundo a Câmara Municipal de Pinhel, “a Sala Sensorial+ foi implementada nas instalações do Jardim de Infância de Pinhel, sendo composta por 3 espaços, nomeadamente uma sala Snoezelen, equipada com material para estimulação sensorial, que se traduz num local feito de luz, sons, cores, texturas e aromas, onde os objetos são coloridos e disponibilizados para serem tocados e admirados, e duas salas de terapias diversas onde se pretende intervir sobre as competências motoras, cognitivas, sensoriais e sociais, que limitam o sucesso da criança no seu desempenho para que possa participar com o seu potencial máximo nos contextos onde está envolvida. Associada à Sala Sensorial+ serão proporcionadas terapias na área das motricidades, da capacidade de raciocínio e aplicação da lógica, atividades de desenvolvimento e aplicação na área das novas tecnologias”.

Inaugurada no dia 1 de abril, a Sala Sensorial+ estará em funcionamento a partir do dia 5 de abril (dia em que tem início o terceiro período letivo).

De referir que a implementação da Sala Sensorial representa um investimento na ordem dos 180 mil euros, comparticipados a 85%, sendo este valor destinado à aquisição de equipamentos, mas também à contratação de recursos humanos indispensáveis para dar início ao projeto, a saber três técnicos superiores especializados e dois assistentes operacionais.



Conteúdo Recomendado