Mêda cancela eventos e encerra equipamentos municipais

A Câmara Municipal de Mêda, no distrito da Guarda, cancelou eventos e encerrou o parque de campismo, postos de turismo e complexo desportivo municipal, devido ao Covid-19, foi hoje anunciado.

O presidente da autarquia de Mêda, Anselmo Sousa, publicou um despacho, que está disponível na página da internet do município, no qual adianta que as medidas adotadas “estarão em vigor até ao dia 03 de abril” e visam “a diminuição do risco de contágio”.

Segundo o documento, o autarca determinou o cancelamento de todos os eventos promovidos pelo município e também a realização de espetáculos em equipamentos municipais como a Casa da Cultura.

No âmbito da medida foram canceladas as sessões de cinema programadas para os dias 20, 21, 27 e 28 de março e adiado o baile de finalistas, que estava agendado para sábado.

A autarquia também decidiu encerrar o Complexo Desportivo Municipal, o Parque de Campismo e os Postos de Turismo de Mêda e Marialva.

Foram também suspensas as atividades da Academia Sénior e do Centro de Formação Musical de Mêda e canceladas as iniciativas desportivas promovidas pelo município em recintos fechados.

Anselmo Sousa apela aos munícipes que “adotem um comportamento sereno e responsável e sigam rigorosamente todas as recomendações da Direção-Geral da Saúde”.

“Estas medidas são temporárias, mutáveis e durarão até que haja orientações em sentido contrário, podendo eventualmente ser necessário reforçar as mesmas em função da evolução da situação”, remata o presidente da Câmara Municipal da Mêda.

O número de casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus, que causa a doença Covid-19, subiu para 78 em Portugal, mais 19 do que os contabilizados na quarta-feira, anunciou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Dos 78 casos confirmados, apenas 69 estão internados, segundo o boletim sobre a situação epidemiológica divulgado pela DGS.

A região Norte continua a ser a que regista o maior número de casos confirmados (44), seguida da Grande Lisboa (23) e das regiões Centro e do Algarve, ambas com cinco casos confirmados da doença.

A doença Covid-19, provocada pelo novo coronavírus, foi classificada como pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS) na quarta-feira.

Em todo o mundo já foram infetadas mais de 124.000 pessoas e morreram mais de 4.500.




Conteúdo Recomendado