Fornos de Algodres acolhe primeiro bootcamp do Taste Up

O programa de aceleração Taste Up visa promover a inovação e a experiência turística nas áreas da gastronomia e vinhos. O primeiro bootcamp realiza-se em Fornos de Algodres, nos dias 25 e 26 de outubro.

O TASTE UP, programa de aceleração promovido pelo Turismo de Portugal, os Territórios Criativos e a APTECE, anunciaram a abertura das candidaturas para projetos de empreendedorismo na área do Turismo Gastronómico e Enoturismo.

De acordo com um comunicado enviado à imprensa pelos Territórios Criativos, o objetivo do programa é aliar a tradição à inovação na gastronomia e trabalhar as tendências do futuro do turismo gastronómico, explorando e aplicando conceitos inovadores.

O roadshow vai passar por 50 município, como Fornos de Algodres, no distrito da Guarda, onde será dinamizada uma oficina de capacitação e divulgação do programa. Na ocasião, serão apresentados os programas de aceleração e dinamizadas sessões de formação sobre Oportunidades e Tendências no Turismo, Turismo Gastronómico e Enoturismo, e Empreendedorismo e Proposta de Valor.

As candidaturas encontram-se abertas e das inscrições serão selecionados 36 projetos que terão a oportunidade de desenvolver os seus negócios através da participação em dois boocamps, cada um constituído por dois dias intensivos de mentoria e formação.

O primeiro bootcamp vai ter lugar em Fornos de Algodres, a 25 e 26 de outubro, enquanto o segundo vai ter lugar na Lourinhã, entre 22 e 23 de novembro, enquanto as mentorias aos projetos terão lugar nos dias 7 e 18 de novembro.

Segundo os promotores do programa Taste Up, o grande vencedor do Taste Up será apurado no dia 5 de dezembro, no Observatório do Sobreiro e da Cortiça, em Coruche , numa sessão de pitch, em que os empreendedores irão fazer a apresentação dos seus projetos perante um júri constituído por investidores, gestores de empresas e representantes de instituições públicas e privadas. Esta sessão ocorrerá em simultâneo com a final do Tourism UP , estando por isso cerca de 50 municípios representados.

O vencedor de cada programa de aceleração receberá 5 mil euros + 500 euros (SEO), sendo que o 2.º e 3.º lugar receberão mil euros e 500 euros, respetivamente. Todos os empreendedores terão, ainda, a oportunidade de aceder à rede de parceiros.

Para mais informações e apresentações de candidaturas aceder aqui.




Conteúdo Recomendado