Estudantes da Covilhã fazem greve pelo clima

Estudantes de todo o mundo, inspirados pela jovem sueca Greta Thunberg, sairão às ruas no dia 15 de março para exigirem aos governos soluções para a crise climática.

Um grupo de alunos da Universidade da Beira Interior (UBI)  está a mobilizar os estudantes da Covilhã para a Greve Climática Estudantil, na próxima sexta-feira, às 10h30, com concentração junto à entrada do pólo principal da UBI e marcha prevista até à Câmara Municipal da Covilhã.

Estudantes de todo o mundo, inspirados pela jovem sueca Greta Thunberg, sairão às ruas no dia 15 de março para exigirem aos governos soluções para a crise climática, segundo uma nota informativa.

Na Covilhã, o evento está a ser organizado pelo Movimento Académico de Proteção Ambiental (MAPA), um grupo com estudantes de todos os cursos da Universidade, que surgiu em outubro de 2018 com o objetivo de promover uma maior consciencialização para as problemáticas ambientais no seio da comunidade académica, consequentemente criando soluções para as mesmas.




Conteúdo Recomendado