Centro de Portugal marca presença na mais importante feira de turismo brasileira

A 45ª edição da ABAV – Expo Internacional de Turismo decorre em São Paulo, entre hoje e sexta-feira.

O Turismo Centro de Portugal (TCP) e a Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal (ARPTC) vão estar presentes na 45ª edição da ABAV – Expo Internacional de Turismo, a mais importante feira de turismo brasileira, que decorre em São Paulo, entre hoje e sexta-feira. A representação estará a cargo de Pedro Machado, presidente do TCP e da ARPTC, e do vice-presidente Jorge Loureiro.

Durante a sua presença, os dirigentes da ARPTC e do Turismo Centro de Portugal irão participar em várias reuniões com empresas do setor, de forma a aprofundarem os contactos com o mercado sul-americano. Pedro Machado irá igualmente ser entrevistado por meios de comunicação brasileiros, com o objetivo de dar a conhecer o potencial turístico do Centro de Portugal aos milhões de cidadãos brasileiros.

Esta feira será igualmente o local privilegiado para a ARPTC e o TCP apresentarem as principais novidades da Região Centro para 2018. E haverá ainda tempo para realizar sessões de esclarecimento sobre o destino Centro de Portugal, em conjunto com a Agência Abreu.

“O mercado brasileiro é estratégico para o Centro de Portugal. Em 2016, chegaram a esta região 103 mil hóspedes provenientes do Brasil. Este país foi, aliás, o que registou maior crescimento no ano passado, com uma subida de 25% em relação a 2015. E os dados já disponíveis para 2017, a nível nacional, revelam uma tendência ainda maior de crescimento: entre janeiro e junho, o número de turistas brasileiros que escolheram Portugal como destino aumentou 55% em relação ao mesmo período de 2016”, sublinha Pedro Machado.

“Perante esta realidade, faz todo o sentido o reforço da promoção do Centro de Portugal no Brasil. A presença numa feira de turismo tão importante como é a ABAV Expo, com a possibilidade de se estabelecerem contactos importantes com agentes do setor, é um passo importante nesta estratégia”, acrescenta.



Conteúdo Recomendado