Belmonte recebe a Festa das Luzes

Belmonte recebe, entre os dias 27 e 30 de dezembro, a Festa das Luzes, também conhecida como “Hanukkah” e que celebra o momento em que os judeus assinalam a libertação e purificação do templo de Jerusalém.

O evento é organizado numa parceria entre a Câmara de Belmonte e a Associação de Desenvolvimento Turístico – Aldeias Históricas de Portugal e integra o ciclo “12 em Rede”, promovido por esta associação para dar destaque aos costumes lendas e tradições de cada localidade.

Em Belmonte, vila do distrito de Castelo Branco onde reside uma importante comunidade de judeus, o evento será dedicado à festividade judaica que celebra a libertação do templo.

Em nota de imprensa, a Rede das Aldeias Históricas lembra que, “após a libertação, verificou-se que só havia azeite suficiente para manter a chama eterna acesa por mais um dia. Contudo, a chama ardeu durante oito dias, o tempo necessário para se fazer e consagrar mais azeite para o templo”.

Nesta festa judaica é usado um candelabro de nove braços, onde é acesa uma vela todos os dias para recordar o tempo em que a chama ardeu, sendo que o braço do centro serve para acender as restantes.

Esta celebração já ganhou caráter público em Belmonte e numa das principais ruas da vila existe mesmo um candelabro de grande dimensão, que neste período ganha uma nova luz a cada dia.

Tendo as luzes como principal mote, foi ainda desenvolvido um programa que se prolonga durante os quatro dias, que contará com música, oficinas, gastronomia, mostras de produtos regionais e visitas temáticas.

Segundo a informação, a festa também conta com grande envolvimento da comunidade e nos museus de Belmonte será possível encontrar pulseiras alusivas ao evento, realizadas pela Academia Sénior de Belmonte e Centro Escolar de Belmonte.

Além disso, será possível ver a exposição “Judaísmo e Arte: Histórias da Sala de Aula”, cujos trabalhos estão expostos em quatro espaços da vila, nomeadamente no Museu Judaico de Belmonte, na Sinagoga Beit Eliahu, no Belmonte Sinai Hotel e na Loja Casa da Judiaria.

Esta mostra apresenta trabalhos inspirados no Museu Judaico de Belmonte, inter-relacionados com algumas obras do pintor judeu Marc Chagall e que resultam de um encontro entre a Empresa Municipal de Belmonte – Serviço Educativo e os alunos do 6.º B da Escola Secundária Pedro Álvares Cabral.

“Para os visitantes, a Festa das Luzes é também uma oportunidade única para conhecer a Aldeia Histórica de Belmonte em todo o seu esplendor, assim como as origens e tradições”, sublinha a Rede das Aldeias Históricas.

Pode aceder ao programa completo AQUI.




Conteúdo Recomendado