Ateliê Geocakes inaugurado pela Ministra da Coesão Territorial em Idanha-a-Nova

A empresa Geocakes, especializada em produtos regionais biológicos e sustentáveis, inaugurou esta segunda-feira, 29 de junho, o seu novo ateliê, em Idanha-a-Nova, numa cerimónia presidida pela Ministra da Coesão Territorial.

Ana Abrunhosa fez questão de assistir ao concretizar do sonho dos chefes de cozinha Raquel Ramos e Mário Ramos, casal responsável por este investimento, para transmitir que a Geocakes “representa o tipo de projetos que queremos para este território: um projeto com coração, que alia a tradição, a autenticidade e a identidade do seu território com a inovação, a qualidade e a abertura ao mundo”.

“Não perderia este momento por nada, sabendo que este projeto significa tanto para Idanha e é inspirado por algo único no mundo: o geoparque onde se insere [Geopark Naturtejo Mundial da UNESCO]”, afirmou a Ministra da Coesão Territorial.

A inauguração oficial do Ateliê Geocakes contou ainda com a presença do presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e do Geopark Naturtejo Mundial da UNESCO, Armindo Jacinto, dos padrinhos da cerimónia, Amélia Nabeiro e João Manuel Nabeiro da Delta Cafés, e diversas entidades locais e regionais.

A Chefe Raquel Ramos explicou que “o projeto Geocakes nasceu da minha paixão pela arte da pastelaria enquadrada pela região que escolhi para a desenvolver, Idanha-a-Nova, no território do Geopark Naturtejo. Hoje é o dia em que cumpri o meu sonho”.

“A Geocakes é a semente que vem frutificando, baseada na autenticidade dos saberes das gentes, dos receituários e da qualidade dos produtos endógenos da região”, concretizou Raquel Ramos.

Os produtos da Geocakes – biscoitos, bolos, geleias, entre outros – têm certificação biológica, enquanto a empresa está certificada com as marcas Geoprodutos e GeoFood, incorporando todos os valores do Geopark Naturtejo e da Bio-Região de Idanha-a-Nova no que diz respeito à sustentabilidade ambiental, à economia circular e à identidade local.
O presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, dirigiu ao casal de empresários palavras de reconhecimento: “Este é um momento especial para os Chefes Raquel Ramos e Mário Ramos, mas também para Idanha-a-Nova e para o Geopark Naturtejo”, começou por dizer.

Armindo Jacinto considera que “a Geocakes é uma empresa que representa muito bem aquilo que desejamos ao nível de desenvolvimento territorial. Já é uma referência na região e no país e, enquanto autarca, só posso ficar orgulhoso por termos no concelho empresários que colocam tanto amor e carinho naquilo que fazem. Vão certamente ter excelentes resultados”.

A inauguração do ateliê foi apadrinhada por João Manuel Nabeiro e Amélia Nabeiro, em representação do Grupo Nabeiro – Delta Cafés. Com palavras sentidas, lembraram a relação de profunda amizade e admiração que liga a empresa ao casal responsável pela Geocakes, e expressaram votos de sucesso profissional e pessoal.



Conteúdo Recomendado