Refer reforça segurança na Linha da Beira Baixa com videovigilância

A porta-voz da Refer diz que a grande vantagem deste sistema reside no facto de “permitir ver em tempo real se a queda causou ou não um impedimento da via”.

A Refer vai reforçar a segurança na Linha da Beira Baixa com a colocação, previsivelmente até ao final do ano, de câmaras de videovigilância nos sistemas de deteção de queda de blocos, disse esta quarta-feira a porta-voz da empresa. Segundo Susana Abrantes, existem na linha ferroviária quatro sistemas de deteção de taludes. Na zona de Vila Velha de Ródão, encontram-se dois sistemas de deteção de queda de blocos, que vão ser reforçados com a colocação de duas câmaras de videovigilância (uma fixa e outra móvel).




Conteúdo Recomendado