Produtores do Dão do concelho de Gouveia destacaram-se no evento Dão Primores

O Abrigo da Passarela, a Seacampo – Sociedade Agrícola, a Madre De Água e a Adega Cooperativa de Vila Nova de Tazem destacaram-se no Dão Primores, evento que decorreu ontem, no Solar do Vinho do Dão, em Viseu.

Pelo nono ano consecutivo, a Comissão Vitivinícola Regional do Dão (CVR do Dão) realizou o evento Dão Primores, que integrou a cerimónia de entrega de prémios do Concurso “Os Melhores Vinhos do Dão no Produtor – Dão Primores” da colheita de 2018. O evento decorreu ontem, em Viseu, e os vinhos a concurso foram avaliados por um júri composto pelo plenário da Câmara de Provadores da CVR do Dão.

Segundo uma nota informativa, no concurso participaram 40 produtores com um total de 167 amostras de vinhos brancos, rosados e tintos (Categoria I-22 amostras, Categoria II-40 amostras, Categoria III-14 amostras e Categoria IV-Vinhos Brancos 32 amostras e Vinhos Tintos 59 amostras) que os profissionais do setor e os convidados tiveram a oportunidade de provar.

O Abrigo da Passarela, Lda., da Passarela – Lagarinhos, Gouveia, na categoria I de vinhos brancos, recebeu um diploma de prata e na categoria IV recebeu três diplomas de ouro, um com o branco encruzado e dois com o tinto touriga-nacional.

A Seacampo – Sociedade Agrícola, Lda., de São Paio, Gouveia, na categoria III de vinhos rosados recebeu um diploma de ouro e na categoria IV recebeu outro diploma de ouro com o tinto touriga-nacional.

A Madre de Água, Lda., de Vinhó, Gouveia, na categoria III de vinhos rosados recebeu um diploma de prata e na categoria IV de vinhos varietais, com o branco encruzado, recebeu um diploma de ouro e com o tinto touriga-nacional recebeu outro diploma de ouro.

A Adega Cooperativa de Vila Nova de Tazem, CRL, de Vila Nova de Tazem, Gouveia, na categoria IV com o tinto touriga-nacional recebeu um diploma de ouro.




Conteúdo Recomendado