IPG com mais alunos do que no ano passado

As matrículas dos alunos colocados nesta terceira fase iniciam-se hoje e decorrem até dia 15.

O IPG surge em terceiro lugar, em termos da variação de colocações relativamente ao anterior ano letivo, após a terceira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior. Este ano foram 460 alunos colocados após esta terceira fase, enquanto no ano passado ingressaram apenas 384.


As matrículas dos alunos colocados nesta terceira fase iniciam-se hoje e decorrem até dia 15.

Os cursos de Marketing, Gestão de Recursos Humanos e Desporto viram todas as vagas preenchidas, já os cursos de Engenharia Civil, Contabilidade, Design e Equipamento, Energia e Ambiente, e Restauração e Catering, não tiveram qualquer candidato. Ao todo ficaram por preencher 178 vagas, das 734 vagas abertas inicialmente na primeira fase.


Este ano foram colocados no ensino superior mais de 46 mil estudantes, mais 1,6% do que no ano passado. Depois da primeira e da segunda fase de candidaturas, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior lançou nesta sexta-feira, dia 11, os resultados da 3.ª fase.


Mais vagas ocupadas
Os dados do ministério revelam também que a taxa de ocupação de vagas aumentou em relação ao anterior, verificando-se que em 2019 foram ocupadas 90,6% das vagas iniciais colocadas a concurso, 50 860, quando em 2018 foram ocupadas apenas 89,1% das vagas.


As vagas sobrantes podem ainda ser utilizadas para admissão no primeiro ano dos candidatos aos concursos especiais, como maiores de 23 anos, ou pelos estudantes que querem mudar de instituição e de zona.


Só depois desta fase de candidaturas é que está fechado o acesso ao ensino superior. Por isso, o ministério estima que além dos 46 058 entrem mais 30 mil estudantes pelo acesso especial. Ao todo, deverão entrar no ano letivo de 2019-2020 mais de 77 mil estudantes.

Em termos de áreas preferidas e com maior taxa de ocupação aparecem as de Informação e Jornalismo, Ciências Sociais e do Comportamento, Humanidades, Artes, Direito, Saúde, Ciências Físicas, Ciências da Vida e Matemática e Estatística.



Conteúdo Recomendado