Hotel na Sertã encerrado por continuar aberto após casos de Covid-19

No seguimento das diligências, a unidade hoteleira foi encerrada, evitando que novos hóspedes se instalassem na residencial.

A GNR da Sertã evacuou e encerrou, esta quarta-feira, um estabelecimento hoteleiro que, devido a casos positivos de Covid-19 entre os funcionários, estava proibido de funcionar desde a semana passada por ordem da autoridade de saúde local.

O JF apurou que se trata do Hotel Larverde, com 25 quartos, situado no centro da vila da Sertã, numa zona em que está a ser construída uma nova superfície comercial.

Ontem, os militares da GNR apuraram que esta unidade de alojamento “ainda se encontrava em funcionamento e que iria admitir novos clientes nos próximos dias desta semana”, diz em nota de imprensa o Destacamento Territorial da GNR.

No seguimento das diligências, a unidade hoteleira foi encerrada, evitando que novos hóspedes se instalassem na residencial, tendo estes sido evacuados e encaminhados para outras unidades hoteleiras da localidade. Em causa estava dezena e meia de trabalhadores envolvidos nas obras de construção da superfície comercial.

Foi elaborado um auto de notícia por crime de desobediência às regras impostas pela autoridade de saúde local e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial da Sertã.

A ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Sertã, em coordenação com a Delegada de Saúde da Sertã.



Conteúdo Recomendado