Guarda celebra a fruta nacional com o Centro de Frutologia Compal

A turma C13 da Escola Básica de Bonfim, na Guarda, aceitou o desafio e apresentou um trabalho criativo inspirado nas frutas DOP e IGP de Portugal.

O Centro de Frutologia Compal lançou a iniciativa “Volta a Portugal em Fruta” com o principal objetivo de valorizar as frutas DOP (Denominação de Origem Protegida) e IGP (Indicação Geográfica Protegida) de Portugal e reforçar a importância do consumo de fruta numa alimentação saudável.  

A Escola Básica do Bonfim voltou a receber o Centro de Frutologia Compal, onde os alunos prepararam pequenas atuações sobre a fruta e a importância da mesma numa alimentação. No fim, todos receberam o diploma de participação e a turma C13 recebeu a Taça da Fruta de Portugal.

Inspirados pelo evento “Volta a Portugal em Bicicleta”, os alunos e a professora da turma C13 decidiram contar a história da Laranja Portuguesa, considerando-a a rainha nacional das frutas portuguesas e com este tema conseguiram o segundo lugar no desafio que abrangeu Escolas, agrupamentos, câmaras municipais e comunidades locais. No concelho da Guarda, participaram 401 alunos de sete escolas na iniciativa “Volta a Portugal em Fruta”, defendendo a região e as suas frutas.

Segundo a organização da atividade, “Volta a Portugal em Fruta” é uma iniciativa do Centro de Frutologia Compal que distribuiu o Mapa das Frutas de Portugal, acompanhado por materiais multimédia lúdico-didáticos, às várias escolas do ensino básico de 23 concelhos das regiões demarcadas com fruta DOP e IGP em Portugal. O mapa foi desenvolvido em parceria com o Centro de Informação Geoespacial do Exército e contou com o apoio da Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Regional e da Associação Portuguesa de Nutrição.  

No concelho da Guarda participaram as seguintes escolas: Escola Básica Adães Bermudes, Escola Básica do Bonfim, Escola Básica do Espírito Santo, Escola Básica de Alfarazes, Escola Básica Augusto Gil, Escola Básica Videmonte, Escola Básica de Barracão.

Para ver os trabalhos das turmas das várias regiões de Portugal, visitar a página de Facebook da Compal.



Conteúdo Recomendado