Museu à Noite dedicado ao Património Natural em Pinhel

O castelo de Pinhel acolhe, na quinta-feira, pelas 21 horas, uma conferência sobre “Recuperação de fauna selvagem em Portugal – o contributo do CERVAS na região centro”, inserida no projeto Museu à Noite.

O Município de Pinhel, que promove a iniciativa, refere que será orador Ricardo Brandão, coordenador do CERVAS – Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens, instalado no concelho de Gouveia, na Serra da Estrela.

A existência da Zona de Proteção Especial do Vale do Côa, onde nidificam algumas das aves de rapina que constituem um importante fragmento da nossa Biodiversidade, leva-nos a encarar estas espécies como valiosos recursos do nosso Património Natural.

Pese embora a proteção que está associada a estas áreas geográficas, verificamos que por vezes as aves de rapina acabam por sofrer ferimentos, provocados por causas naturais ou por ação do Homem, ferimentos que exigem um trabalho de recuperação especializado.

É este trabalho que faz o CERVAS – Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens, uma estrutura que pertence ao Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) / Parque Natural da Serra da Estrela (PNSE), que com o seu esforço e empenho tem contribuído para a recuperação de muitas aves para depois as devolver ao seu habitat natural.

No final da tertúlia, os participantes serão convidados a assistir à devolução à natureza de uma ave de rapina noturna.




Conteúdo Recomendado