Covid-19: Gouveia com entregas de refeições ao domicílio todos os dias da semana

A autarquia decidiu renovar o serviço de entrega de refeições ao domicílio face às medidas restritivas extraordinárias tomadas pelo Governo.

O município de Gouveia, no distrito da Guarda, está a promover, até ao final do mês, um programa de entrega de refeições ao domicílio para apoiar os restaurantes e os taxistas do concelho, foi hoje anunciado.

Segundo a autarquia presidida por Luís Tadeu, a iniciativa “Gouveia Entrega”, que foi aplicada nos fins de semana da quadra natalícia e de fim de ano, foi renovada e vigora até ao dia 30 em todas as freguesias do concelho.

A autarquia refere em comunicado enviado à agência Lusa que decidiu renovar o serviço de entrega de refeições ao domicílio face às medidas restritivas extraordinárias tomadas pelo Governo para limitar a propagação da pandemia de covid-19 e proteger a saúde pública.

“As sucessivas renovações do estado de emergência e as limitações impostas ao funcionamento de espaços comerciais, nomeadamente dos estabelecimentos de restauração, bem como os condicionamentos à liberdade de deslocação em transportes particulares de passageiros e o dever geral de recolhimento domiciliário, têm tido fortes implicações nos domínios social e económico do país”, justifica o município de Gouveia.

Segundo a fonte, perante a situação, a autarquia decidiu renovar a iniciativa “Gouveia Entrega”, um serviço de entrega ao domicílio de refeições confecionadas pela restauração local e entregue pelos motoristas de táxi do concelho, “de modo a apoiar estes setores, tão relevantes para a economia local e para a empregabilidade”.

A iniciativa municipal conta com a adesão dos restaurantes e dos motoristas de táxi do concelho de Gouveia, não terá custos de transporte para os utilizadores e irá funcionar, durante todos os dias da semana, em todas as freguesias daquele concelho da região da Serra da Estrela.

Segundo a nota, quem estiver interessado em beneficiar do programa de entregas de refeições ao domicílio “bastará contactar o restaurante no qual deseja fazer o seu pedido, escolher a sua refeição e fornecer a morada de entrega”.

A encomenda será entregue em casa por um motorista de táxi e o cliente “apenas terá de pagar o valor da refeição ao taxista, uma vez que o custo do transporte será posteriormente assumido pela autarquia”.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.031.048 mortos resultantes de mais de 94,9 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.



Conteúdo Recomendado