Covid-19: Fornos de Algodres entrega equipamento de proteção individual a instituições

O Município de Fornos de Algodres entregou 19.348 unidades de equipamento de proteção individual às instituições particulares de solidariedade social, Santa Casa da Misericórdia e corporação de bombeiros do concelho, foi hoje anunciado.

Segundo a autarquia presidida por Manuel Fonseca, o material entregue “tem uma cobertura superior a 100% relativamente aos pedidos apresentados pelas instituições, através de preenchimento de inquérito de necessidades”.

“Já foram percorridas todas as instituições do concelho”, disse hoje o autarca à agência Lusa.

Pelas várias instituições contempladas foram distribuídas luvas (8.600 unidades), proteções de calçado (3.700), toucas (3.000), máscaras (2.814), fatos de macaco descartáveis (712), batas descartáveis (350) e viseiras (172), num total de 19.348 unidades e 148 litros de solução de álcool a 70 graus.

No âmbito das medidas excecionais de contingência que têm vindo a ser aplicadas no território para fazer frente à pandemia da covid-19, a mesma autarquia do distrito da Guarda também entregou ‘kits’ de proteção individual às Juntas de Freguesia e aos motoristas de veículos pesados do concelho.

O presidente da Câmara Municipal de Fornos de Algodres adiantou à Lusa que foi feita a distribuição de material adquirido pela autarquia e de outro que foi doado por empresas e grupos solidários (DieVibrissaes, Marcelo Pimenta, Animativa, Zeca de Seia e SOSCOVID).

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 217 mil mortos e infetou mais de 3,1 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Portugal contabiliza 973 mortos associados à covid-19 em 24.505 casos confirmados de infeção, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia divulgado hoje.

Portugal vai terminar no sábado, 02 de maio, o terceiro período de 15 dias de estado de emergência, iniciado em 19 de março, e o Governo deverá anunciar na quinta-feira as medidas para continuar a combater a pandemia.

Devido ao fim de semana prolongado, o Governo decretou, entretanto, a proibição de deslocações entre concelhos de 01 a 03 de maio.




Conteúdo Recomendado