Autarca da Mêda tem esperança de voltar a ver o tribunal daquela cidade aberto

Fonte: http://www.fe.unb.br/noticias/sucessao-justica-derruba-liminar-da-adunb-e-mantem-consulta-informal-e-paritaria/image

Um ano depois da reforma do sistema judicial, o presidente da Câmara da Mêda diz que a perda do tribunal naquela cidade foi enorme. A população é obrigada a deslocar-se a Vila Nova de Foz Côa e Anselmo Sousa diz que se trata de um revés para o concelho.

Inicialmente as pessoas queixavam-se pelo facto de terem de se deslocar a Vila Nova de Foz Côa, agora acabaram por se resignar.

Quem não se resigna é o autarca, que acalenta a esperança de voltar a ver o tribunal de Mêda de portas abertas.




Conteúdo Recomendado