Aluna do Instituto Politécnico da Guarda distinguida com prémio internacional de design

Uma aluna finalista do curso de Design de Equipamento da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico da Guarda foi distinguida com o segundo prémio do concurso internacional ‘Verallia Design Awards 2020′, foi hoje anunciado.

A aluna Ana Pereira foi distinguida com o projeto “Nível d’Azeite”, no concurso internacional de design da empresa espanhola Verallia, entre mais de 200 participantes.

Ana Pereira

Ana Pereira “concebeu uma garrafa criativa que representa todo o processo de fabrico do azeite, desde a apanha das azeitonas até chegar a casa dos consumidores”, refere o Instituto Politécnico da Guarda (IPG) em comunicado.

“A ideia deste projeto surgiu de uma escala de medições, marcada por pequenas gotas na própria garrafa que ajuda a descobrir, de uma forma diferente e divertida, todo o processo de fabrico do azeite” afirma Ana Pereira, citada na nota.

O projeto, coordenado pelo professor Rui Carreto e desenvolvido na unidade curricular Projeto V, partiu do conceito de uma escala de medições, onde no lugar da escala se encontra a metade de uma gota de azeite e no lugar dos números estão pequenas gotas de azeite, segundo a fonte.

“Em cada gota está descrito o processo de confeção do azeite, começando da gota de cima para baixo. Há medida que o azeite for acabando vamos poder notar em que fase do processo de confeção o azeite se encontra. O gargalo é constituído por uma peça de aço que levanta ao abrir a tampa para servir o azeite”, explica a estudante.

A aluna finalista da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPG remata: “Ver o meu trabalho reconhecido pela Verallia foi muito gratificante e transmite-me confiança e motivação para enfrentar desafios futuros”.

“É um privilégio ver reconhecido internacionalmente o trabalho e as ideias dos estudantes do Politécnico da Guarda. Vamos continuar a proporcionar aos nossos estudantes uma forte ligação às empresas e a contextos reais de trabalho, para serem profissionais empreendedores e competitivos no mercado”, afirma na nota Joaquim Brigas, presidente do IPG.

A sétima edição do concurso de vidro e criação, organizado pela Verallia (empresa que fabrica embalagens de vidro para alimentos e bebidas), pretendia que os participantes criassem um modelo de uma garrafa de azeite.

“O principal objetivo do concurso foi oferecer aos alunos uma experiência de trabalho o mais próxima possível do ambiente profissional. Alguns dos desenhos apresentados podem ser produzidos e comercializados por clientes da Verallia”, de acordo com a organização.

Na edição deste ano participaram 227 alunos de instituições de ensino superior de Espanha e de Portugal.

O projeto vencedor chama-se “Orobroy” e garantiu um prémio de 2.500 euros a Alicia López, aluna da Escola de Desenho LCI de Barcelona, Espanha, além de vir a ser produzido e comercializado pela Verallia.

Ana Pereira, aluna da Escola Superior de Tecnologia e Gestão da Guarda, foi a única participação portuguesa no pódio ao conquistar o segundo lugar e um prémio no valor de 1.300 euros.

Paula Torres, da Escola Superior de Desenho da Rioja, Espanha, arrecadou 900 euros, fruto da terceira posição no concurso com o projeto “Albor”.



Conteúdo Recomendado