Mais de 100 expositores na Feira do Queijo de Celorico da Beira

Conhecida como a capital do Queijo Serra da Estrela, Celorico da Beira organiza nos próximos dias 2, 3 e 4 de fevereiro mais uma edição do certame onde o produto endógeno é rei.

O Município de Celorico da Beira preparou inúmeras atividades que pretendem promover o que de melhor o concelho possui, com “especial enfoque para a promoção do Queijo Serra da Estrela, da pastorícia, dos saberes e sabores de Celorico da Beira, passando pelo riquíssimo e vasto património cultural e histórico que fazem com que o concelho seja cada vez mais procurado por turistas oriundos de todas as partes do país e até do estrangeiro, com especial realce para turistas oriundos da província de Salamanca, fruto de algumas acções promocionais lá realizadas.”

A edição deste ano irá oferecer aos visitantes um vasto programa que terá o seu início no dia 2 de fevereiro (sexta-feira) e que se prolongará até ao dia 4 de fevereiro (domingo).

No primeiro dia da Feira do Queijo, para além da abertura oficial do certame, decorrerão diversas atividades de índole cultural, com destaqie para a Revista à Portuguesa “Revist`ó Fado”, a decorrer nas instalações do Cinema-Centro Cultural que no seu elenco para além de outros artistas conta com os artistas António Pinto Basto e Manuela Bravo.

No dia 3 de fevereiro, haverá uma diversificada animação de rua, assim como decorrerá uma atuação dos Grupos do Concelho de Celorico da Beira: “Forno Musical”, “Fidalguinhos”, “Salgueirinho”. Os Sons do Minho encarregam-se de animar a noite do mercado pelas 21 horas. À Noite, pelas 23h será a vez do Cinema – Centro Cultural acolher o Grupo de Fados de Coimbra “Praxis Nova”.

O último dia do certame será no dia 4 de fevereiro e terá início com uma caminhada denominada “Caminhada do Pastor” assim como decorrerá um passeio de automóveis clássicos.

A partir das 12h30 e até às 20h00, será transmitido do recinto da feira o Programa da TVI “Somos Portugal”.

Segundo a organização, “a realização da Feira do Queijo, é a melhor homenagem que o Município pode fazer aos nossos produtores, pois são eles os obreiros da nobre arte que é a confeção do Queijo Serra da Estrela.”

O Queijo Serra da Estrela DOP é o mais antigo de todos os queijos portugueses, sendo reconhecido internacionalmente pelas suas características organoléticas. Foi introduzido em Portugal pelo povo Romano. Já durante a Idade Média era mencionado nas letras do poeta Gil Vicente. Em 1287, o Rei Dom Dinis criou o primeiro mercado de queijo, precisamente no concelho de Celorico da Beira. Este queijo representava uma nutritiva e duradoura fonte alimentar, sendo por isso utilizado pelos grandes exploradores durante as suas viagens. Em 1885 chega às cidades de Lisboa e Porto, aumentando a sua fama.




Conteúdo Recomendado