PS recandidata Anselmo Sousa à presidência da Câmara de Mêda

O presidente da Câmara Municipal de Mêda, o socialista Anselmo Sousa, vai recandidatar-se ao cargo nas eleições autárquicas de 01 de outubro, disse hoje o próprio à agência Lusa.

A recandidatura de Anselmo Sousa, de 56 anos, licenciado em Humanidades e provedor da Santa Casa da Misericórdia de Mêda, foi aprovada por unanimidade pela Comissão Política Concelhia local do PS e pelos órgãos distritais do partido.

Anselmo Sousa, que antes de ser eleito presidente desempenhou o cargo de vereador no município de Mêda, no distrito da Guarda, disse hoje à agência Lusa que decidiu avançar com a recandidatura ao segundo mandato para “dar continuidade a um trabalho que se iniciou há quatro anos” e após “uma solicitação bastante grande” por parte da população.

“Estou confiante na reeleição, porque vejo que também é essa a vontade da população”, disse.

O candidato referiu que tem como principal preocupação combater a desertificação humana do concelho, por isso, a ser reeleito, irá continuar a trabalhar para tentar inverter o atual cenário.

“É uma preocupação nossa atrair gente para o concelho. Sabemos das potencialidades que temos. Iremos investir muito no turismo e também numa vertente que nos é muito querida, que é a agricultura. Apoiar os nossos agricultores e tentar criar pequenas e médias empresas na vertente agrícola para assim tentarmos fixar mais gente”, indicou Anselmo Sousa.

No atual executivo, o PS tem dois vereadores, o CDS-PP também possui dois elementos e o PSD está representado com um eleito.



Artigos Relacionados / Pub