Turismo de Portugal combina Vinho com Ativos Turísticos do país em campanha de promoção

A campanha insere-se no Plano de Ação para o Enoturismo, lançado o ano passado durante a Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL).

Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, dá conta que uma das componentes do Plano é a promoção e que ao longo deste ano foram desenvolvidas outras como a “estruturação do produto”, através da aprovação e apoio a a 38 projetos de Enoturismo, que representam um investimento de mais de 60 milhões de euros, entre hotéis temáticos, rotas, enotecas, museus, eventos, adegas, quintas e solares.

O presidente do Turismo de Portugal justifica a aposta no Enoturismo pelo facto de o “vinho ser um produto que toca todo o território e que traz pessoas de maior valor acrescentado que podem ficar durante mais tempo” no país. Segundo o próprio, “existe a consciência de que é uma oportunidade de negócio” e verifica-se o um “crescimento enorme de experiências turísticas com foco no Enoturismo”.

Foi a Partners quem deu “asas” à imaginação para criar a campanha de promoção do Enoturismo e Tomás Froes, fundador da agência, explica como “nasceu” o conceito. Sempre se tentou “tornar os vinhos uma referência pela casta ou região” e a verdade é que “estamos a competir com mercados muito maduros e com muita notoriedade” pelo que era preciso ir mais além.

“Pairings” entre vinho e ativos turísticos

Assim, a Partners procurou “posicionar os vinhos à dimensão do destino e Portugal foi eleito o Melhor Destino do Mundo”. Mas como? “Fomos buscar um insight do vinho que é o pairing“, a ideia de que o vinho fica bem com determinado prato ou sobremesa, abrangendo-o para “o vinho fica bem com uma experiência do destino Portugal”: Aventura, Arte, Descoberta, Música e Bem-Estar. No fundo, a promoção de ‘pairings‘ entre o vinho e alguns dos ativos turísticos estratégicos do País.

“Wine pairs with Portugal” é o lema da campanha, que se prolonga até final de 2020, para os mercados do Reino Unido, Espanha, França, EUA, Brasil, Alemanha e Canadá. Fruto de um investimento de 500 mil euros, a campanha é exclusivamente digital e abrange seis filmes, um genérico e cinco específicos que são eles: “Wine pairs with Adventure“, “Wine pairs with Art“, “Wine pairs with Discovery“, “Wine pairs with Music” e “Wine pairs with Wellness“.

Ações do Plano Estratégico para o Enoturismo

Outras ações incluem o desenvolvimento de Planos de Promoção regionais e o lançamento da plataforma digital “Portuguese Wine Tourism”, um hub de informação e promoção internacional do destino específico para este segmento.

Será também introduzido o plano de formação Enotur, dirigido a profissionais do setor do turismo e do setor vitivinícola, dotando-os de competências globais de organização, planeamento, gestão e execução de projetos para potenciar a experiência do visitante, bem como da utilização dos recursos turísticos da região na conceção da oferta do produto Enoturismo.

Destaque ainda para a realização da 5.ª Conferência Mundial de Enoturismo que irá realizar-se em Reguengos de Monsaraz, em outubro, organizada sob a égide da Organização Mundial de Turismo (OMT).

Veja o vídeo da campanha promocional AQUI.



Conteúdo Recomendado