Aluna portuguesa da UBI está a desenvolver uma vacina contra a Covid-19

A vacina que está a ser desenvolvida, ao contrário das que já estão em testes, será administrada através de pulverização e não de injeção.

Dalinda Eusébio, aluna de doutoramento em Biomedicina da Universidade da Beira Interior (UBI), de 25 anos, está a trabalhar no desenvolvimento de uma vacina, em pó, preventiva mas também terapêutica contra a Covid-19.

De acordo com a SIC Notícias, o objetivo é conseguir uma vacina eficiente e económica e de fácil distribuição e administração.

A estudante conta com a orientação científica de duas investigadoras do Centro de Investigação em Ciências da Saúde da UBI e ainda com a colaboração de um investigador da Universidade de Austin, no Texas, EUA.

A vacina que está a ser desenvolvida, ao contrário das que já estão em testes, será administrada através de pulverização e não de injeção.

Dalinda tem agora pela frente pelo menos quatro anos de investigação, mas a expetativa é que, dentro de três anos, possa já ter o protótipo de vacina pronto para ensaios clínicos.

O projeto está a ser desenvolvido no Centro de Investigação em Ciências da Saúde da UBI e foi contemplado com uma bolsa de investigação da Fundação para a Ciência e Tecnologia.



Conteúdo Recomendado