Aguiar da Beira debateu “futuro” do concelho

Participantes de diversificados quadrantes da população do Município de Aguiar da Beira reuniram-se para discutir soluções de desenvolvimento para o concelho.

O fórum “Potencialidades e estratégias para o concelho” ouviu, sobretudo, preocupações da população, nos diversos temas lançados para debate em torno da comunidade, valores e economia.

Da sessão saiu acima de tudo a necessidade de encontrar medidas para impulsionar o turismo e o emprego, em torno de um melhor aproveitamento dos recursos naturais e produzidos do concelho; incentivar ao emprego responsável; fixar e atrair pessoas; reforçar os valores e a identidade da população; e melhorar as ofertas de educação e formação, num território que consideram apresentar “qualidade de vida”.

A sessão pública realizou-se, no passado 24 de fevereiro, no auditório municipal, com o objetivo de refletir sobre os dados estatísticos do Concelho de Aguiar da Beira e debater sobre as potencialidades e as estratégias para o território, contando com a participação de representantes de IPSS, autarcas, empresários e demais cidadãos do concelho. De salientar a presença dos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, Joaquim Bonifácio e Virgílio Cunha, respetivamente.

O fórum “Potencialidades e estratégias para o concelho – um exercício de cidadania” foi promovido pelo CLDS 3G Aguiar no Coração, no âmbito da realização do Estudo Económico, Social e Prospetivo do Concelho, que irá realizar ainda mais duas sessões públicas de modo a conseguir uma maior e mais diversificada participação e a encontrar soluções para um concelho melhor.

“Aguiar no Coração – Rede Positiva para o Desenvolvimento Social de Aguiar da Beira”, enquadra-se no Programa Contrato Local de Desenvolvimento Social (CLDS 3G), cuja Entidade Coordenadora Local de Parceria e executora é o Centro Social Paroquial de Dornelas e a entidade financiadora é o POISE – Programa Operacional da Inclusão Social e Emprego e o Governo de Portugal, por via do Ministério da Solidariedade, Emprego e Segurança Social.




Conteúdo Recomendado