Polícia Judiciária investiga morte de mulher de 46 anos em Seia

O cadáver foi descoberto após o alerta de uma funcionária da Segurança Social, que prestava assistência à mulher, que deu conta que “já não a via há alguns dias”.

A Polícia Judiciária está a investigar as circunstâncias da morte de uma mulher de 46 anos, que foi hoje encontrada já cadáver no interior da sua residência, na localidade de Santa Comba, no concelho de Seia.

Segundo fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda, o cadáver foi descoberto após o alerta de uma funcionária da Segurança Social, que prestava assistência à mulher, que deu conta que “já não a via há alguns dias”.

Cerca das 12h30, uma patrulha da GNR deslocou-se à residência e encontrou a mulher “já cadáver”, disse a fonte policial à agência Lusa.

A mulher “já estaria morta há alguns dias” e a Polícia Judiciária “tomou conta da ocorrência, para apurar se houve crime”, acrescentou.

A mesma fonte da GNR da Guarda disse ainda que a mulher vivia com a mãe, que sofre de “problemas psíquicos”, na mesma habitação, “mas em frações diferentes”.

Além de uma patrulha da GNR, estiverem no local três veículos e oito elementos dos Bombeiros Voluntários de Seia, indicou o CDOS.



Conteúdo Recomendado