Mostra gastronómica foi um sucesso

Perto de cinco mil pessoas visitaram a Festa da Abóbora, Castanha e Cogumelo da Guarda A Guarda festejou, pelo segundo ano consecutivo, a Festa da Abóbora, da Castanha e do Cogumelo, contando com uma grande adesão do público. A iniciativa, que se prolongou pelos três últimos fins-de-semana, ultrapassou as expectativas da organização, que promete continuar […]

Perto de cinco mil pessoas visitaram a Festa da Abóbora, Castanha e Cogumelo da Guarda

A Guarda festejou, pelo segundo ano consecutivo, a Festa da Abóbora, da Castanha e do Cogumelo, contando com uma grande adesão do público. A iniciativa, que se prolongou pelos três últimos fins-de-semana, ultrapassou as expectativas da organização, que promete continuar a dinamizar este tipo de festejos.
 
A Festa da Abóbora, Castanha e Cogumelo “correu muito bem e excedeu as expectativas que tínhamos”, refere Ludovina Margarido, responsável da Quinta da Maunça, satisfeita pelo facto da população ter aderido em força às várias iniciativas que se foram realizando. Neste último fim-de-semana houve uma prova BTT e um magusto tradicional na freguesia dos Meios, onde participou, para além da população local, um grupo vindo de Santa Maria da Feira.
 
Numa festa onde foram três os produtos em destaque, a abóbora, a castanha e o cogumelo, Ludovina Margarido acredita que foi possível “dar a importância que cada um deles merece em momentos diferentes” permitindo assim “realizar uma festa única que acaba por ser uma festa que valoriza os produtos da nossa região”.
 
Durante dois fins-de-semana foi realizada uma Mostra Gastronómica, que contou com “uma crítica muito positiva de quem visitou o certame”. Ao público foram apresentados 33 pratos diferentes, confeccionados tendo por base a abóbora, a castanha ou o cogumelo, tendo sido servidas perto de 500 refeições completas.
 
A Câmara da Guarda, em conjunto com a Quinta da Maunça, a ADEFES (Associação de Desenvolvimento das Freguesias da Encosta da Serra) e a APGUR (Associação para a Promoção da Guarda) promoveu, desta forma, durante três fins-de-semana, a Festa da Abóbora, da Castanha e do Cogumelo, por onde terão passado perto de cinco mil pessoas. As várias iniciativas envolvendo muitas freguesias e algumas empresas, o que permitiu “juntar sinergias” e, acima de tudo, “valorizar os produtos e dar resposta satisfatória às populações, que têm estes produtos disponíveis nas suas matas, nas suas florestas e que precisam de alguém que os compre”.



Conteúdo Recomendado