Instituto Politécnico da Guarda vai formar quadros para a empresa Altran

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai formar quadros na área das tecnologias digitais, no âmbito do programa ‘UpSkill: Digital Skills & Jobs’, que vão trabalhar na empresa Altran.

“É um orgulho para o IPG qualificar jovens nas áreas tecnológicas para dar resposta às necessidades de uma empresa de referência como a Altran”, afirma Joaquim Brigas, presidente do IPG.

O responsável acrescenta que o programa ‘UpSkill: Digital Skills & Jobs’ fortalece dois grandes objetivos da presidência do IPG: “Reforçar parcerias com empresas altamente competitivas e permitir ao Politécnico da Guarda atingir novos públicos”.

Segundo o IPG, este programa de formação profissional, financiado pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), “destina-se a desempregados que tenham concluído o ensino secundário ou superior, com competências na língua inglesa e que pretendam obter qualificações na área das tecnologias digitais”.

“O objetivo passa pela qualificação de recursos humanos através de uma formação intensiva de seis meses em áreas como a programação Java, gestão de plataformas ‘cloud’ ou programação em plataformas ‘low-code'”, acrescenta.

Ainda de acordo com a nota enviada à agência Lusa, “após este período, os formandos terão mais três meses de formação em contexto empresarial com possibilidade de contratação no final do estágio”.

O IPG sublinha ainda que a Altran, empresa líder mundial em soluções de engenharia, “irá contratar até 80% dos formandos”.

Durante a formação inicial, com início no ano letivo 2020/21, os participantes têm direito a uma bolsa de 635 euros e, em março de 2021, com o início do estágio na Altran, o salário mínimo de referência sobe para 1.200 euros, lê-se.

“O programa ‘UpSkill’ irá ajudar jovens da região que estejam desempregados ou que queiram mudar de trabalho”, afirma Joaquim Brigas.

Segundo o responsável, a iniciativa “é também uma oportunidade para os professores do IPG estarem a par das novidades das empresas de vanguarda” nas áreas de Tecnologias da Informação e Comunicação.

O programa ‘UpSkill: Digital Skill & Jobs’ é desenvolvido em parceria com o IEFP, a Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APCD) e o Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP).

A cerimónia de contratualização, realizada na sexta-feira, no Teatro Thalia, em Lisboa, contou com a presença de Pedro Siza Vieira, ministro da Economia, de Manuel Heitor, ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, de João Sobrinho Teixeira, secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e de Miguel Cabrita, secretário de Estado Adjunto, do Trabalho e da Formação Profissional.



Conteúdo Recomendado