Grupo de Música Contemporânea – Síntese presta homenagem a Saramago

O programa será complementado pelas “14 anotações” de Fernando Lopes-Graça, compositor que comunga com Saramago tanto do que foi a sua vida e a sua atitude perante a arte.

No ano em que se comemora o centenário de José Saramago, o Síntese – Grupo de Música Contemporânea presta uma homenagem ao escritor e prémio Nobel pela apresentação de três novas peças inspiradas na sua obra, encomendadas pelo grupo. O espetáculo está marcado para esta noite, dia 06, às 21h30, no Teatro Municipal da Guarda.


Os compositores Tiago Derriça, com “Poemas Possíveis”, e Carlos Azevedo, com “Aos Deuses sem Fiéis”, iluminaram a poesia de Saramago derramada no seu livro “Os Poemas Possíveis”. O compositor Carlos Marecos foi ao encontro de uma das obras mais perturbadoras de Saramago, “Ensaio sobre a Cegueira”, na peça “branco, branco, branco…”.


O programa será complementado pelas “14 anotações” de Fernando Lopes-Graça, compositor que comunga com Saramago tanto do que foi a sua vida e a sua atitude perante a arte.


Conteúdo Recomendado