Festival de Jazz & Blues da Guarda com oito concertos gratuitos ao ar livre

De 1 a 11 de julho o Festival InJazz&Blues irá decorrer junto ao Teatro Municipal da Guarda.

Entre 8 e 11 de julho, a proposta é para finais de tarde, ao ar livre, na esplanada do Café Concerto do TMG, com concertos sempre às 18h30. No menu musical vai estar o Festival InJazz&Blues, que faz a fusão de duas iniciativas do TMG: o Ciclo Guarda in Jazz e o Festival de Blues da Guarda, juntos agora devido às contingências da pandemia covid-19, que fez o TMG reformular e reagendar toda a sua programação.

Este Festival junta então as duas linguagens musicais num só evento, com oito concertos em que o Jazz e os Blues surgem intercalados entre 1 e 11 de julho, sempre de quarta a sábado.
No programa do Jazz atuam: TGB (dia 1); Maria João – Ogre (dia3); João Barradas Trio (dia 8); e The Postcard Brass Band (dia 10).

Os Blues vão contar com os concertos de: Túlio Augusto (dia 2), Peter Storm & The Blues Society (dia 4); Dog’s Bollocks (dia 9); e Serushiô (dia 11).
Segundo o Município da Guarda, “nestes concertos vespertinos, o TMG garante o respeito por todos as normas de segurança, higiene e distanciamento social exigidas pela Direção Geral de Saúde. Por isso mesmo, a “lotação” está definida para um máximo de 50 pessoas e os bilhetes, que são gratuitos, são de levantamento obrigatório no próprio local, diariamente.”

Pode consultar aqui o programa com informação mais detalhada sobre os projetos que integram o Festival InJazz&Blues:

1 de julho
Noite JAZZ com TGB
Tuba, Guitarra e Bateria assim se designa este trio constituído por três músicos de eleição e com larga experiência no panorama musical nacional: Sérgio Carolino na tuba, Mário Delgado na guitarra e Alexandre Frazão na bateria.

2 de julho
Noite BLUES com Túlio Augusto
Guitarrista, cantor e harmonista brasileiro (a residir em Portugal) Túlio Augusto é um músico de grande talento e criatividade, especialmente no repertório clássico do Blues de Chicago, sempre apreciado pelo grande público.

3 de julho
Noite JAZZ com Maria João – Ogre
Não é preciso muitas palavras para descrever a genialidade da cantora Maria João e do seu incrível percurso artístico. Versátil, a voz desta cantora adapta-se à música de cariz jazzístico e eletrónico do projeto Ogre. Um concerto surpreendente.


4 de julho
Noite BLUES com Peter Storm & The Blues Society
Quarteto de músicos que já pertenceram a outras formações dedicadas ao blues, fazem agora nesta banda uma revisitação ao melhor legado musical e histórico das diversas facetas dos blues.


8 de julho
Noite JAZZ com João Barradas Trio
João Barradas é um jovem acordeonista de jazz com dezenas de prémios internacionais no currículo. O seu reconhecimento artístico além-fronteiras é sintomático da sua extraordinária capacidade de recriar o jazz.


9 de julho
Noite BLUES com Dog’s Bollocks
Projeto de dois elementos (duas guitarras, voz e meia bateria) que se move livremente entre os blues e o rock’n’roll, destilando influências que vão de Jack White a Legendary Tigerman e tudo o que há no meio. Têm um repertório composto maioritariamente por originais, mas também algumas versões.



10 de julho
Noite JAZZ com The Postcard Brass Band
The Postcard Brass Band é um grupo de música eclético e livre de preconceitos musicais. Explora vários tipos e estilos de linguagens, do jazz tradicional das ruas de New Orleans ao jazz de improvisação livre e espontânea, mas sempre com muita animação e ritmo.


11 de julho
Noite BLUES com Serushiô
São do Porto. Amantes da fusão explosiva do blues com o rock, as suas atuações ao vivo são intensas e sempre em comunicação com o público. Têm vários discos editados e concertos marcantes em muitos festivais nacionais e internacionais.




Conteúdo Recomendado