Esplanadas da Covilhã não pagam taxa até ao fim do ano

O pedido deverá ser efetuado no Balcão Único da Câmara Municipal ou no Balcão do Empreendedor.

A Câmara Municipal da Covilhã aprovou um regime excecional de apoio aos estabelecimentos de restauração e bebidas para alargamento ou atribuição de esplanadas, com isenção de taxa até ao final de 2020 refere uma nota informativa.


Com esta medida, que entrou em vigor no dia 18 de maio, o Município pretende “não só minimizar os prejuízos causados a estes estabelecimentos durante o encerramento determinado pelo Governo no âmbito do combate à pandemia da covid-19, como também facilitar o cumprimento das regras de distanciamento físico, permitindo privilegiar o espaço exterior alargado para servir mais clientes”.


O pedido deverá ser efetuado no Balcão Único da Câmara Municipal ou no Balcão do Empreendedor, em formulário próprio onde constará a planta de localização /ortofotomapa com a capacidade de instalação da esplanada, número de mesas e cadeiras que o operador pretende instalar, medidas do espaço da esplanada e fotografias.




Conteúdo Recomendado