Espetáculo de Dança “Ecos do Côa” adiado em Figueira de Castelo Rodrigo

A estreia foi reagendada para dia 15 de junho, às 22 horas, no Largo Serpa Pinto.

O espetáculo de Dança “Ecos do Côa” que estava previsto estrear em Figueira de Castelo Rodrigo no sábado passado foi adiado, por causa das condições meteorológicas, para a próxima sexta-feira, dia 15, no mesmo local (Largo Serpa Pinto) e à mesma hora (22 horas).

Trata-se de uma iniciativa que pretende constituir uma rede cultural entre os 15 Municípios da CIMBSE, vocacionada para a promoção cultural deste território. O projeto assenta em três áreas artísticas: dança, teatro e música. O projeto “Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela” é promovido pela CIMBSE em parceria com a Associação de Municípios da Cova da Beira e os municípios que integram a CIM das Beiras e Serra da Estrela.

O primeiro espetáculo “Ecos do Côa”, uma criação artística dos DEMO em coprodução com a CARB. É um espetáculo de dança que reúne participantes dos concelhos de Figueira de Castrelo Rodrigo, Pinhel, Almeida, Trancoso e Mêda.

O primeiro espetáculo está agora marcado para Figueira de Castelo Rodrigo, no dia 15 de junho, às 22 horas, no Largo Serpa Pinto, que já tem 170 metros quadrados de terra e as bancadas montadas. O sabor a terra, os brasões e nas lendas dos municípios, bem como a natureza são algumas das inspirações do espetáculo que conta com a participação de 38 voluntários, amadores.




Conteúdo Recomendado