Encenação Paixão de Jesus pelas ruas da cidade da Guarda

A iniciativa vai contar com a colaboração de cerca de 300 atores amadores das paróquias do Arciprestado da Guarda.

Na noite de Domingo de Ramos, dia 14 de abril, às 21 horas, as paróquias do Arciprestado da Guarda, com a organização do Arciprestado da Guarda e da Câmara Municipal da Guarda, vão promover a “Paixão de Jesus segundo S. Lucas”, uma encenação que percorrerá as ruas da cidade da Guarda, entre o Largo da Misericórdia e a Torre de Menagem. 

Segundo a organização, o texto da encenação é adaptado do Evangelho segundo São Lucas, o evangelista que se lê nas Eucaristias dominicais deste ano litúrgico, e a representação corresponde ao texto evangélico que vai da entrada triunfal de Jesus em Jerusalém, até à sua Paixão e Morte.

Após a condenação de Jesus à morte, ao longo do percurso que vai da Escola de Santa Clara até à Torre de Menagem, serão reproduzidas cenas religiosas que a piedade cristã conserva na sua tradição. Nestes quadros da Via-Sacra, grupos de cantares, provenientes das paróquias do arciprestado da Guarda, irão cantar cantos quaresmais apropriados às cenas representadas, tais como o encontro com Verónica, as quedas de Jesus, o encontro com Maria, sua Mãe, e o encontro com as mulheres de Jerusalém. 

 

A encenação está dividida em sete atos e irá decorrer em vários espaços da cidade:

I Acto: Largo da Misericórdia: introdução, prólogo e contextualização da vida de Jesus.

II Acto: Rua do Comércio, Praça Velha: Entrada em Jerusalém, traição de Judas, preparação da Ceia Pascal.

III Acto: Praça Velha: Ceia pascal.

IV Acto: Lado sul da Sé, Solar de Alarcão: Jardim das Oliveiras, prisão de Jesus

V Acto: Solar de Alarcão, Escola de Santa Clara: Negação de Pedro, Tribunal Judaico, Tribunal Romano.

VI Acto: Escola de Santa Clara – Torre de Menagem: Caminho do Calvário

VII Acto: Torre de Menagem: Crucifixão, morte e sepultura de Jesus.

 




Conteúdo Recomendado