Covid-19: Câmara de Trancoso reabre Praça Municipal na sexta-feira

O município de Trancoso, no distrito da Guarda, vai reabrir a Praça Municipal na sexta-feira, para “ajudar os produtores locais no escoamento dos seus produtos”, foi hoje anunciado.

Segundo a autarquia presidida por Amílcar Salvador, a medida tomada no âmbito da implementação gradual do desconfinamento devido à pandemia da covid-19 tem em vista a “consequente retoma progressiva da economia”.

O autarca refere num edital que o funcionamento da Praça [Mercado] Municipal de Trancoso, que será retomado na sexta-feira, “irá acontecer no cumprimento de rigorosas medidas de contenção sanitária”.

Entre as medidas incluem-se “o uso obrigatório para todos os produtores/feirantes e clientes, de equipamentos de proteção individual, viseira ou máscara, a manutenção das regras de distanciamento social já conhecidas, para além de outras regras definidas para o efeito pela autarquia, publicitadas no próprio local”, de acordo com o documento autárquico.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 254 mil mortos e infetou quase 3,6 milhões de pessoas em 195 países e territórios.

Portugal contabiliza 1.074 mortos associados à covid-19 em 25.702 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia divulgado na terça-feira.

Portugal entrou no domingo em situação de calamidade, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de março.

Esta nova fase de combate à covid-19 prevê o confinamento obrigatório para pessoas doentes e em vigilância ativa, o dever geral de recolhimento domiciliário e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.




Conteúdo Recomendado