Cooperação Transfronteiriça Norte de Portugal e Espanha assegura 87 milhões de euros para projetos

Este montante será aplicado maioritariamente em parcerias entre entidades das regiões do Norte de Portugal, Galiza e Castela e Leão.

São 68 os projetos de cooperação entre o Norte de Portugal e Espanha que foram aprovados no contexto dos resultados da primeira convocatória do Programa INTERREG V-A Espanha-Portugal 2014-2020, representando um apoio de 87 milhões de euros do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

O apoio aprovado permitirá a implementação destes 68 projetos alinhados com as prioridades do INTERREG V-A, sobretudo no que respeita ao reforço da investigação, do desenvolvimento tecnológico e da inovação.

Das verbas asseguradas, destacam-se 3,2 milhões de euros de fundos da União Europeia para um projeto global de 4,3 milhões de euros destinados a promover a transferência e a valorização de nanotecnologias para pequenas e médias empresas da eurorregião e que conta, entre outros, com a colaboração do Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia.

Já no âmbito da cooperação entre o Norte de Portugal e Castela e Leão ganha relevo o financiamento concedido à promoção da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Meseta Ibérica, reconhecida pela UNESCO como a maior da Europa e que inclui os parques naturais do Douro Internacional e do Montesinho, do lado português, e do Lago de Sanabria e das Arribes del Duero, do lado espanhol.

Na cooperação transfronteiriça destaca-se, ainda, o financiamento concedido ao ARIEM 112, permitindo a continuidade deste projeto de cooperação em matéria de emergências transfronteiriças que envolve entidades do Norte de Portugal, de Castela e Leão e da Galiza.

O Interreg V-A, coordenado regionalmente pela CCDR-N – Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, é o quinto programa de Cooperação entre Portugal e Espanha, depois dos Interreg I (1990-1993), Interreg II (1995-1999), Interreg III-A (2000-2006) e POCTEP 2007-2013.




Conteúdo Recomendado