Calafrio apresenta Contos, Trovões, Rezas e Galináceos em Pousade

O espetáculo de teatro/música do Teatro do Calafrio será apresentado no próximo domingo, dia 20.

A CalaFrio – Associação Cultural vai apresentar no próximo domingo, dia 20 de janeiro, pelas 16 horas, em Pousade, concelho da Guarda, o espetáculo “Contos e trovões, rezas e galináceos”.

A sessão, com entrada livre, é constituída por contos, cantigas, adivinhas e ditos, num ambiente de permanente interação com o público.

Trata-se de um espetáculo de narração oral, com contos e canções, criado e interpretado por César Prata, Suzete Marques e Américo Rodrigues, que pretende “recuperar e revitalizar” alguns elementos importantes do património imaterial da região, “num ambiente informal e descontraído, misturando música com teatro”.

Este espetáculo é organizado pela Câmara Municipal da Guarda e pelo ICAA – Sector de Intervenção Cultural, Animação e Associativismo e o Grupo Cultural e Desportivo Pousadense e conta com o apoio da União de Freguesias de Albardo e Pousade.

 

“Porque não temos memória de galinha, saímos da casca e andamos por aí, a contar histórias antigas de galináceos: galos, galinhas, pintos… Convocamos galinhas e outras aves de capoeira (e até um canário e uma águia!), abrimos o bico para dizer adivinhas, anedotas e trava-línguas. E até rezamos para afastar trovoadas! Rezamos… com galos e galinhas, claro! Naturalmente, olhamos para trás! E, assim, chegamos ao ovo! Ou será à galinha?”, refere o Teatro Calafrio.

 



Conteúdo Recomendado