Bienal do Azeite em Castelo Branco

http://projetoviverleve.files.wordpress.com/2013/05/azeite.jpg

A Câmara de Castelo Branco investiu 200 mil euros na Bienal do Azeite 2014, um certame de caráter nacional que vai contar com mais de 100 expositores e no qual são esperados cerca de 70 mil visitantes, este fim de semana.

“A 4.ª edição da Bienal do Azeite 2014 integra-se na nossa estratégia para o setor agroalimentar e pretende também promover os nossos produtos locais, para além do azeite”, referiu o presidente da Câmara de Castelo Branco. Luís Correia, que falava durante uma conferência de imprensa para a apresentação do certame, realizada nos Paços do Concelho de Castelo Branco, explicou ainda que durante o evento, que decorre nos dias 4, 5 e 6 de julho, vai haver animação permanente. O autarca sublinhou ainda que a Bienal do Azeite pretende ser “uma forma de incentivar os produtores de azeite e de azeitona de mesa e promover esses produtos”. O certame vai ocupar a zona do Centro Cívico de Castelo Branco (Devesa), com dois espaços, um dos quais dedicado aos produtos locais da Beira Baixa, com venda direta de produtos. As seis regiões do país de Denominação de Origem Protegida (DOP) para azeites vão estar presentes em Castelo Branco, tendo como principal objetivo a promoção e divulgação da azeitona, azeite e produtos associados. Uma das novidades para este evento é a realização de uma conferência dedicada ao tema “Azeitona de Mesa em Portugal: Potencialidades e Perspectivas”, que decorre na próxima sexta-feira, dia 4 de julho, na Biblioteca Municipal de Castelo Branco, a partir das 14h30. “Trata-se da primeira conferência sobre azeitona de mesa realizada em Portugal”, referiu João Almeida, da Associação de Produtores de Azeite da Beira Interior (APABI), um dos parceiros oficiais do certame. A Bienal do Azeite 2014 é uma organização conjunta da Câmara de Castelo Branco, APABI, Confraria do Azeite e Casa do Azeite.



Conteúdo Recomendado