Agentes da PSP e bombeiro evitam tragédia na Covilhã

As três vítimas e um dos polícias receberam tratamento hospitalar devido à inalação de fumo, mas receberam alta em pouco tempo.

O comando distrital da PSP informou ontem que quatro agentes em serviço na Covilhã, auxiliados por um bombeiro da cidade que estava de folga, evitaram uma tragédia, conseguindo retirar uma mulher e as duas filhas de uma habitação onde tinha deflagrado um incêndio por volta das 5h45 deste domingo.

O alerta foi dado via 112 e a mulher e as duas menores estavam numa varanda do primeiro piso, de onde foram resgatadas, tentando escapar ao fumo e às eventuais chamas.

O grupo fez também a primeira intervenção com uma mangueira de jardim, extinguindo parcialmente o foco de incêndio até à chegada dos bombeiros.

As três vítimas e um dos polícias receberam tratamento hospitalar devido à inalação de fumo, mas receberam alta em pouco tempo.



Conteúdo Recomendado