Pedidos para negociar dívidas disparam

Dívidas no consumo lideram. Banca só aceitou 20% dos pedidos de ajuda para pagar crédito à habitação.

Os pedidos feitos pelas famílias portuguesas junto da Banca para regularizar as situações de incumprimento aumentaram 21% no primeiro semestre. A maior parte desses pedidos é relativa ao crédito ao consumo.

No entanto, apesar de os portugueses terem reclamado menos contra a Banca no primeiro semestre, as instituições financeiras aceitaram apenas 20% dos pedidos de ajuda para pagar crédito à habitação.

De acordo com a Sinopse de Atividades de Supervisão Comportamental, ontem divulgada pelo Banco de Portugal, no âmbito do Regime Extraordinário, que permite ajudar as famílias com dificuldade em pagar o seu crédito à habitação, o BdP adianta que foram feitos 270 requerimentos de acesso junto de 20 instituições, o que representa uma redução de 32,7% face ao semestre anterior. Deste total, as instituições de crédito indeferiram 217 requerimentos de acesso, o que significa que recusaram 80% dos pedidos de ajuda.




Conteúdo Recomendado