Níveis muito elevados de exposição à radiação UV em quase todo o país

Portugal continental, o arquipélago da Madeira e duas ilhas dos Açores apresentam hoje um risco ‘Muito Elevado’ de exposição à radiação ultravioleta (UV), segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o Instituto, as ilhas dos Açores com risco ‘Muito Elevado’ São as das Flores e Faial. S. Miguel e a Terceira apresentam um nível ‘moderado’.

Para as regiões com risco ‘Muito Elevado’ e ‘Elevado’, o Instituto recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, ‘t-shirt’, guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol.

Os índices UV variam entre menor do que 2, em que o UV é ‘Baixo’, 3 a 5 (‘Moderado’), 6 a 7 (‘Elevado’), 8 a 10 (‘Muito Elevado’) e superior a 11 (‘Extremo’).

O IPMA prevê para hoje para Portugal continental céu pouco nublado ou limpo, aumentando temporariamente de nebulosidade durante a tarde nas regiões do interior, vento fraco a moderado, podendo soprar forte nas terras altas das regiões Norte e Centro até ao meio da manhã e no final do dia.

Prevê-se uma pequena subida da temperatura mínima nas regiões do interior Norte e Centro e uma subida da temperatura máxima.

Para os Açores aguarda-se céu muito nublado, com abertas a partir da tarde, períodos de chuva em especial na madrugada e manhã, passando a aguaceiros fracos.

A Madeira terá períodos de céu muito nublado e vento fraco a moderado.




Conteúdo Recomendado