Município da Guarda vai avançar com Plataforma de Gestão de Transportes

o âmbito do Projeto Guarda Smart City, o Município da Guarda dará prioridade, numa primeira fase, à mobilidade Urbana e está a avançar neste sentido através da criação de uma Plataforma de Gestão de Transportes.

Segundo a autarquia, “a ideia passa primeiro pelo melhoramento e colocação de novos dos abrigos e novos suportes comunicacionais dos horários e carreiras urbanas. A plataforma vai funcionar como um centro de controlo que permitirá a partilha de informação de uma forma mais rápida e eficaz. A iniciativa é no âmbito de uma candidatura apresentada pelo Município da Guarda ao Instituto da Mobilidade e dos Transportes I.P., através do Fundo para o Serviço Público de Transportes, no âmbito do 4.º Aviso/2019- Apoio à Aquisição de Sistemas e Aplicações de Informação Interação e Serviço Público.”

Trata-se de um investimento na ordem dos 65 000 euros, comparticipado com o montante de perto de 50 mil euros.

O objetivo é promover boas práticas de responsabilidade social e ambiental, assentes em três vetores estruturantes:

  • Criação de uma base de informação centralizada e geográfica que permite gerir a informação e partilha-la com o Munícipe de forma fidedigna e atualizada;
  • Disponibilizar ao público ferramentas de consulta e planeamento de viagens;
  • Instalação em espaços públicos de dispositivos dinâmicos que permitam a visualização da informação, contribuindo desta forma para aumentar a visibilidade e confiança dos utentes no sistema de transportes urbanos.

Recorde-se que o projeto Guarda Smart City pretende afirmar-se como um ecossistema estruturado numa rede de parceiros que inclui as entidades públicas e privadas que poderão contribuir para o desenvolvimento integrado e responsável. Assume-se assim como um projeto inovador quanto à sua consistência e abrangência. Direcionada para forte componente de integração social e empreendedorismo, provendo condições que diligenciem a atratividade, afirmando a Guarda como uma cidade moderna atenta às dinâmicas urbanas e colocando as novas tecnologias ao serviço dos cidadãos.




Conteúdo Recomendado