Cuca Roseta e Lena d’Água são destaques da Agenda TMG

Música, dança, cinema e residências artísticas são algumas das atividades em destaque na programação de novembro e dezembro do Teatro Municipal da Guarda.

O Teatro Municipal da Guarda (TMG) apresenta a nova programação para os meses de novembro e dezembro com destaque para o espetáculo Amália por Cuca Roseta no 821º aniversário da cidade mais alta a 27 de novembro e o espetáculo de “Desalmadamente” de Lena d’Água a 18 de dezembro.


“Tal como na agenda anterior, há um menor número de atividades devido às contingências da COVID-19 por forma a cumprir todo o protocolo de higiene e segurança para público, artistas e trabalhadores, com base nas regras da DGS e por isso mantém-se as regras de lotação de 50% das salas, bem como todas as regras de distanciamento, higienização, etiqueta respiratória e uso obrigatório de máscara” explica a autarquia através de uma nota informativa.

De realçar ainda em novembro a continuação do Síntese – Ciclo de Música Contemporânea da Guarda com o projeto de percussão ILLUD de Nuno Aroso a 19 de novembro e com o quarteto Collective Levemusic a 28 de novembro e ainda o “Concerto Para uma Árvore” e “7 Filmes Para um Mundo Novo” do músico Fernando Mota para ver e ouvir a 18 de novembro no pequeno auditório. Ainda em novembro, no dia 13, a companhia Ballet Teatro apresenta o espetáculo “10 – Paisagens, máquinas e animais” com direção e coregrafia de Né Barros.


Destaque também para o concerto dos First Breath After Coma no grande auditório, dia 21 de Novembro e também numa parceria com o CineClube da Guarda, a Celebração do Centenário do nascimento do realizador italiano Federico Fellini com a os filmes: Os inúteis a 24 de novembro; e A estrada, a 25 de novembro.


Já em dezembro, destaque para a estreia da nova produção do Teatro do Calafrio “O Asno de Ouro – Metamorfoses” com encenação de Luciano Amarelo, numa co produção com o TMG nos dias 10, 11 e 12. Em reposição estará a Estreia do documentário de António Lopes sobre cinema nas aldeias, intitulado “Cinema em movimento” a 15 de dezembro. Uma iniciativa assinala também as comemorações dos 15 anos do TMG que se assinalam em 2020. Também em reposição da agenda de abril: a Apresentação do Livro dos 15 Anos do TMG à qual se segue um concerto com Rui Correia e Ricardo Torrão no dia 17 de dezembro.


De sublinhar ainda o programa Incentivart que continua com a Residência Artística em escultura do artista plástico Daniel Gamelas, entre 9 e 25 de novembro e com exposição posterior no Foyer do grande auditório e ainda a oficina de Fotografia: “Analógica 15” de Ana Couto e Miguel Silva a 14 de novembro no Famílias ao teatro e a exposição com o mesmo nome entre 17 de novembro e 22 de janeiro de 2021 no Café concerto do TMG.


O Projeto Incentivart é uma incubadora de projetos artísticos cujo objetivo é desafiar os artistas do concelho a desenvolver trabalhos nas mais variadas áreas artísticas como as artes plásticas, dança, música, teatro, literatura, fotografia.


Estes são apenas alguns dos destaques da Agenda. Toda a programação pode ser consultada AQUI.



Conteúdo Recomendado